EITA! Polícia monitora suposta ameaça do Sindicato do Crime de explodir 20 postos casos preço da gasolina não baixe no RN

Foto: Divulgação

A cúpula da segurança pública no Rio Grande do Norte monitora os desdobramentos de uma mensagem que circula nas redes sociais, atribuída à facção Sindicato do Crime do RN.

No texto, consta a ameaça a donos de postos de combustíveis para que baixem o preço da gasolina, sob pena de ataques a 20 desses estabelecimentos.

A mensagem circula após o Comando Vermelho determinar prazo de uma semana para que o valor dos combustíveis em Manaus caía, sob pena de igual ataque.

Procurada pelo Blog do Dina, a Secretaria de Segurança Pública confirmou que monitora os desdobramentos da mensagem e confirmou que texto de igual teor circula em outros estados.

Segundo o secretário de Segurança Pública, coronel Francisco Araújo, o monitoramento envolve detectar preliminarmente se a mensagem se trata de algo real, ou seja, de texto que partiu da facção, ou se foi adaptado regionalmente aproveitando a onda de pânico que se espalhou em Manaus.

A mensagem

A mensagem, cuja íntegra não será reproduzida, diz que a facção criminosa está ao lado do trabalhador e que a organização não ficará imóvel diante do prejuízo milhares de “cidadãos de bem”.

A facção Sindicato do Crime tem atualmente uma guerra interna por disputa de poder, o que estaria por trás da onda de recentes crimes que vem acontecendo especialmente na Região Metropolitana de Natal.

Mensagens como as de hoje já foram frequentes, especialmente quando a facção estava em guerra aberta com o PCC, o que resultou no massacre de Alcaçuz.

Com informações de Blog do Dina – por Dinarte Assunção

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *