Vereador de Natal e candidato à deputado federal Robson Carvalho sofre atentado na BR 304 próximo a Macaíba.

O número da violência no Estado a cada dia só cresce. As estatísticas da violência parece não ter fim e a cada ano o número de homicídios no país aumenta. No Rio Grande do Norte é ainda pior, um estado que era pacato a 20 anos atrás, hoje lidera todos os índices de violência do país, e mais, deixando a nossa capital como uma das cidades mais violentas do mundo. 

Dois casos de violência chamaram a atenção da população nos últimos dias. O primeiro foi do filho do ex-prefeito de Lages/RN Bene Leocádio que foi assaltado, levado como refém no carro de seu pai e morto numa ação que ainda está sendo investigada. O jovem de 16 anos teve sua vida retirada pela violência que assola o estado.
Como ninguém está imune a essa onda de violência, independente de sua classe social, poder aquisitivo, cor, raça ou sexo, ontem a bola da vez foi o jovem vereador de Natal e candidato a deputado federal Robson Carvalho que sofreu um atentado na BR 304 perto de Macaíba.
Robson e seus assessores estavam voltando do interior do Estado quando teve o carro interceptado por um veículo Corolla, de cor cinza e de placas não identificadas. Segundo relato do vereador, os indivíduos que estavam no corolla, fizeram a ultrapassagem do veículo em que o mesmo estava e na frente do veículo do vereador forçaram parada com duas freadas bruscas com intuito de pararem o carro do vereador.
Como não foi obtido exito, um dos ocupantes atirou por duas vezes pra cima para intimidar o motorista  e uma vez na direção do veículo que não foi atingindo. O motorista que estava com Robson conseguiu escapar, porém foram perseguidos até a cidade de Macaíba onde os bandidos desistiram da abordagem. 
Foram momentos de pânicos relatados pelo vereador que seguiu todos os tramites legais para abertura de processo de investigação contra essa ação ocorrida na noite de ontem em Macaíba. Robson é candidato a deputado federal e em uma nota publicada pela assessoria do parlamentar, duas hipóteses foram levantas, uma de tentativa de assalto e a outra atentado contra a vida do parlamentar e seus assessores. Agora resta a polícia investigar e dar parecer sobre o caso, lembrando que a BR 304 em alguns trechos é monitorada por câmeras de segurança ou radar eletrônico.  
Fonte: Blog Riachuelo em Ação
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *