Sem precedentes Jair Bolsonaro e seus seguidores vem sofrendo perseguição nas redes sociais Facebook e Twitter.

A perseguição ao candidato Jair Bolsonaro e seus seguidores continua nas redes sociais. O Twitter sem explicações derrubou a conta do Partido PSL sem dar justificativas. Alguns seguidores também sem sofrendo com as perseguições impostas pelo Facebook e Twitter.

Na madrugada deste sábado (18), enquanto acontecia o segundo debate entre os presidenciáveis na Rede TV, o Twitter derrubou a conta do PSL, partido do líder das pesquisas, em plena campanha eleitoral. No último levantamento do Instituto Paraná Pesquisas, Jair Bolsonaro lidera isoladamente à corrida presidencial com 23,9% dos votos.

Ainda durante o debate na Rede TV, Bolsonaro usou o Twitter para queixar-se que três ‘hashtags’ que alcançaram os ‘Assuntos Mais Comentados’ da rede foram derrubadas.

“O twitter já derrubou 3 de nossas hashtags quando estavam nos trending topics: ‘Voto Bolsonaro 17’ ‘Bolsonaro Presidente 17’ e ‘Bolsonaro na Rede TV’”, disse ele.

Ao clicar no @ do Partido Social Liberal (PSL), o Twitter informa a seguinte mensagem:

“Cuidado: esta conta está temporariamente restrita. Você está vendo este aviso porque ocorreu uma atividade incomum nesta conta”, diz o microblog.

Confira na integra.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *