Pânico! A equipe da TV Potengi registra o exato momento de um confronto na favela do mosquito! CONFIRA O VÍDEO.

A equipe da TV Potengi de Natal foi surpreendida na madrugada desta sexta-feira com um confronto entre marginais na favela do mosquito. A equipe estava voltando de um evento na zona norte de Natal quando foi surpreendida com o tiroteio no local. O cinegrafista e apresentador da TV Potengi logo fez uma live ao vivo no Facebook onde relatou os momentos de pânico vivido por toda equipe ao tentar atravessar a ponte que liga zona norte e zona oeste da Capital.

No exato momento o trânsito ainda estava bastante movimentado e a equipe se mostrou muito solicita em parar seu veículo e alertar aos demais motoristas sobre o ocorrido no local. Como de praxe e sem desvio algum, os motoristas foram obrigados a retornar seus veículos na contra-mão para fugir do tiroteio.
Nos últimos meses tiroteios e confrontos entre facções ou confrontos com a própria polícia tem se tornado comum na região. Os cidadãos natalenses tem sido presas fácies ao cruzarem aquele local, visto que é um dos únicos que interliga a cidade de uma zona a outra e o mais próximo para quem trabalha ou estuda do outro lado da cidade. Infelizmente as autoridades do Rio Grande do Norte assistem à situação atônitos sem mover uma ação que resolva o problema no local
Até quando a população de Natal terá que sofrer em meios à tantos descasos na segurança publica? É preciso que vidas inocentes sejam perdidas de forma trágica e abrupta para que se tomem providências em relação ao descaso da “insegurança publica” no Estado do Rio Grande do Norte? Salientando que Natal hoje é a 4ª cidade mais violenta do mundo segundo a ONG Mexicana “Segurança, justiça e paz” e a 1ª do Brasil. Será que os governantes do Estado estão lutando para alcançar o TOPO das cidades mais violentas do mundo? Ficam estes questionamentos.
Compartilhe:

2 thoughts on “Pânico! A equipe da TV Potengi registra o exato momento de um confronto na favela do mosquito! CONFIRA O VÍDEO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *